Aurélio Magalhães – Da China Para Casa by Bike

BLOG

As últimas surpresas do meu pedal na Croácia.

Demorei alguns dias para voltar a pedalar depois que a minha irmã Cynthia voltou para o Brasil.

De compromisso mesmo, só ministrei uma palestra para os alunos de Emoke, minha amiga húngara, e mais nada. Foi um bate-papo rápido de 45 min, onde pude compartilhar minhas experiências de viagem e responder um montão de perguntas. Fiquei contente com o interesse e surpreso em ver como os estudantes húngaros sabem respeitar o limite das brincadeiras e do respeito! Foi um papo divertido e cheio de piadas! Gostei muito!

IMG_2251
Turma animada de adolescentes que me ouviram em uma mini palestra em Szekszárd – Hungria.

De volta ao litoral da Croácia, peguei vários dias de sol, praticamente sem vento e temperatura agradável em torno de 12° C. Um sobe e desce dos diabo, mas nenhuma grande montanha. Altitude máxima de 300 metros acima do nível do mar, oferecendo visuais incríveis. Nada comparado as montanhas que cruzei com a Cynthia. Acampei bastante e fiz a minha própria comida. Aliás, talvez o assunto gastronômico tenha sido a maior baixa deste país. Tirando uma coisa aqui outra ali, a maioria dos restaurantes na beira da estrada sofrem forte influência italiana (a Itália é logo alí, do outro lado do Mar Adriático), e é raro encontrar algo que não seja pizza, pasta ou risoto. Ahh… tem muito kebab também…

IMG_5632
Acampamento em estrada abandonada ao lado da estrada principal nas margens do Mar Adriático, Croácia.
IMG_5613
Acampamento em meio a plantação de oliveiras, entre as montanhas e o mar, Croácia.

Com a Cynthia, tive várias conversas e senti a necessidade de me isolar um pouco para colocar as ideias em ordem e realinhar os pensamentos. Fiquei sem internet esse tempo todo, não fiz muita questão de me enturmar com os locais e gastei muito tempo ajustando os próximos passos. Por muitas vezes fiz paradas apenas para curtir o visual.

IMG_5609
Curtindo o visual em Markaska, Croácia.
IMG_5618
Lago nos arredores de Ploce, Croácia.
IMG_5625
Trn, pequena vila na Croácia
IMG_5639
Chegando em Dubrovnik, último destino na Croácia.

A exceção da regra, foi pedalar e acampar por um dia e uma noite com Florian e Vicent, dois jovens franceses que estão rodando a Europa com bicicletas elétricas. Nos encontramos casualmente na estrada. Fiquei interessado em ver o ritmo de viagem deles. Com a velocidade média bem mais alta que a minha, e fazendo bem menos força nas subidas, eles exercitam a paciência por até 3 horas e meia para recarregar as baterias da bike. Pedalam praticamente sem paradas no período da manhã, param para recarregar quando acham tomadas, perto de 50 km pedalados, e depois voltam a pedalar apenas para encontrar um local seguro para acampar.

IMG_5619
Os franceses Vicent e Florian com as bikes elétricas e trailers. Croácia.
IMG_5620
Para quem quiser dar uma olhada no site dos franceses Florian e Vicent, que eu tive o prazer de encontrar na Croácia.

Vale lembrar que o pôr do sol acontece por volta das 16:15h, e com isso a distância média pedalada no dia quase nunca ultrapassa 80 km. A temperatura nas madrugadas quase sempre fica em torno de 0°C, um pouco mais um pouco menos. Com isso, forma-se uma fina camada de gelo deixando o asfalto escorregadio, exigindo total atenção. Esse fenômeno é conhecido como “black ice”. Vicent teve a infelicidade de derrapar em um desses pontos e felizmente sofreu apenas escoriações leves.

IMG_5626
Black ice derrubou Vicent, felizmente sem maiores consequências. Croácia.

Hoje estou em Dubrovnik, minha última parada antes de deixar a Croácia. Conhecida como a “pérola do Adriático”, é uma das cidades mais visitadas do país. Cercada por prainhas paradisíacas, montanhas, fortificações e muralhas, a cidade velha mistura a arquitetura medieval, barroca e renascentista, que aliados aos diversos monumentos e edifícios históricos, lhe rendeu o título de Patrimônio Mundial da Unesco desde 1979.

IMG_1000
Dubrovnik, Croácia
IMG_5662
Difícil missão! Subir as escadarias da cidade velha em busca de um albergue. Dubrovnik, Croácia.

Eu vou continuar seguindo rumo sul, tendo como próximos desafios Montenegro e Albânia. Conto com você! Continue na garupa!

 


 

A viagem ao redor do globo continua. Suba na garupa e venha comigo nesta aventura!

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA.

Obrigado por me seguir!

Gostou desta postagem? Então curta, comente e compartilhe!

Seu envolvimento me ajuda a manter a motivação!

Você pode colaborar com este projeto ajudando e incentivando, clique no botão abaixo e conheça minha campanha de financiamento coletivo, na plataforma APOIA.se, as recompensas começam a partir de R$8,00 por mês.

14 respostas

  1. Hi Aurélio,
    So nice to read about your last news! I’m happy to see that you’re going on!
    Where will you be for Xmas? I’ll have a thought for you from France, I have a flight tomorrow.
    Enjoy the last day of 2015 and be happy the 21th the day will grow up again…

  2. Tô aqui na garupa!! Fico só imaginando os altos papos que teve consigo mesmo!!!! Papo de maluco???? hahahhaha brincadeira!!! Mega boa sorte pela frente!!! Beijo

  3. Aurelio, estamos em Montenegro.

    Certamente você cruzará com um carro com a placa de Sao Paulo. Fica ai de olho. Estamos em Radanovici.

    Pare aqui para um café ou um churrasco ou um vinho…

    [email protected]

    Abraços e boa viagem!
    Paula

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − oito =